Impulsiva

E o meu problema é colocar intensidade em coisas que não precisam disso, em coisas leves. E por eu colocar intensidade em coisas tão leves, elas acabam desmoronando. Então eu me encontro sozinha novamente, com minha intensidade e meus anseios desmoronados e minha única vontade é de cortar os pulsos pra ver se isso faz com que eu desperte dessa loucura de sentir. E talvez com isso eu sinta a mim mesma. Porque é mais fácil cuidar de cortes na pele do que de cortes na alma. Como é que se repara uma ferida mental?

Na minha ânsia de viver eu acabo atropelando as coisas, as pessoas. E todos se assustam e me olham com uma expressão atônita, pensando que eu sou louca e que quero destruir as coisas. Mas eu não quero isso. Eu só quero viver. Se eles soubessem que tudo o que eu quero é uma vida simples com uma família de comercial de margarina e uns peixinhos de aquário não me achariam tão doida. Mas também não acreditariam em uma só palavra minha, provavelmente porque nem eu acredito.

Não há como controlar esse meu ímpeto de viver e ser feliz, e quando ver eu já despejei todos meus anseios em uma só pessoa. E a coitada da pessoa fugiu, porque uma hora de conversa comigo já basta para que a pessoa saia mais confusa do que eu. E quando percebo, já dei um nó no cérebro do sujeito que apenas me deu um 'oi'. E lá se foi a minha chance de ter uma vida normal.
Porque eu gosto de você. E eu gosto do jeito mais torto, mais desalinhado, mais confuso e mais maluco. E eu teimo em não gostar porque sei que sempre que eu gosto de alguém, essa pessoa vai embora. Então eu ouço seu nome e meus olhos brilham, e aí eu percebo que é tarde demais: já estou ferrada. Completamente ferrada.

Tumblr_lwtpsb1ine1r8b9uwo1_500_large

26 comentários

  1. Mia, com essas palavras eu descobri que eu sou mais você do que eu imaginava. Quando eu ia lendo cada parágrafo, tudo ia se encaixando e um filme do que sou ia passando em minha cabeça. Sou impulsiva em muitas coisas, acredito demais onde não precisa, quero muito de onde não vou receber e sou ansiosa pros sonhos, pro amor, pra felicidade e pros meus medos. Lindo texto, amei de verdade. Parabéns minha linda, por mais essas palavras encantadoras. *-*

    ResponderExcluir
  2. Mais um texto que parece ter sido escrito por mim. E vamos nos identificando com as palavras dos outros e percebemos que todos pensamos da mesma forma. Se é de mulher, não sei. Texto inspirador...

    http://thebluberryon.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. caraca garota até quando ira falar por mim?
    *_____________*
    Perfeito, ah e cont... falando ok?

    haushaushuash

    ResponderExcluir
  4. Caramba, qe texto intenso! E ainda, parece qe foi escrito por mim! (:

    ResponderExcluir
  5. O amor que é lindo, mas que é precisa de duas pessoas para cultiva-lo. Ele que nos transforma ou desperta um lado nosso que não conhecemos. Lindas palavras Parabéns!

    Adorei seu blog e o conteúdo.
    Seguindo ^^

    http://blog-justdoodle.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. aai o amor, e bem complicado ne :S
    todos sofreem por ele :/ e sempre assim (y)
    adorei seu blog, ta de parabens :D
    gosto de blogs com conteudo *-*

    http://2lives1world.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. prontinho então! haha
    nos falamos minha parceira!

    beijao!

    ResponderExcluir
  8. O amor machuca, mas sem ele a vida não tem graça! Cortes na pele podem até serem mais fáceis de cuidar,eles cicatrizam, e te fazem lembrar toda vez que olha para eles o que te fez cometê-los.
    Beiijos:)
    http://cartasp-voce.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  9. Como já não conseigo encontrar palavras para dizer o quanto eu admiro sua escrita, só deix um recado: quando você publicar seus livro de contos, estarei na fila do autógrafo à dois dias, ok?

    ResponderExcluir
  10. Olá, quer entrar em uma comunidade do orkut para divulgar seu blog, sem levar calotes?
    A comu é nova, porém o diferencial, é que será realmente moderada, então não será fácil para os caloteiros, que serão banidos!!!
    http://www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=120466800

    ResponderExcluir
  11. Mia, você é uma mágica ou coisa do tipo? Porque só isso explica fato de você escrever textos que me completam tão intensamente :P

    ''Porque é mais fácil cuidar de cortes na pele do que de cortes na alma. Como é que se repara uma ferida mental?'' ameeeeeeeeei <3

    ResponderExcluir
  12. Olá :)

    Também sou assim, super impulsiva...
    Acabo querendo fazer tudo, de uma vez e, se acaba por não acontecer como desejo, fico frustrada (outro defeito, hehehe)

    Beijinhos

    ---
    www.jehjeh.com

    ResponderExcluir
  13. Gostar gostando é bom e duradouro.
    Gostar com egoísmo pode assustar a pessoa e pôr tudo a perder.

    ResponderExcluir
  14. Boa notícia: a gente melhora com o tempo [experiência própria]

    Talvez má notícia: quando a gente melhora, vez ou outra, rola uma crise impulsiva, e ela consegue ser maior do que nos tempos de imoulsividade diária!

    ResponderExcluir
  15. Vontade de viver intensamente é bom XD como já disseram, com o tempo a gente aprende a medida das coisas....

    sucesso, Pri
    http://www.mmdesaltoalto.blogspot.com

    ResponderExcluir
  16. Acho que somos parecidas nisso, em querer colocar intensidade naquilo que não é necessário. As pessoas - minhas amigas - vivem me dizendo isso, mas é meio que impossível controlar. É o desejo de viver, como você disse. De aprofundar as coisas.
    Ah Mia, eu senti que esse texto é destinado a ele *-* vc está apaixonada, que linda! Espero que ele também se intensifique nisso para vocês dois crescerem juntos nesse sentimento.
    http://www.dinhacavalcante.com/

    ResponderExcluir
  17. Também faço exatamente isso. É como se a vida fosse mais interessante com intensidade, mesmo muitas vezes nem sendo!

    ResponderExcluir
  18. Parabéns pelo blog,já estou seguindo.

    ResponderExcluir
  19. A verdade é que a maioria das pessoas querem o fácil e ao se depararem com o complicado (como nós somos) desistem e vão embora. É essa a questão. Porém me orgulho de ser 'difícil', difícil de lidar, de amar, de conquistar e enfim. O bom é ser assim.

    ResponderExcluir
  20. É bom pensar duas ou mais vezes antes de agir impulsivamente, ou seja, ver os dois lados da moeda.

    ResponderExcluir
  21. Que dilema não? kkkk
    Linda essa parte "Porque eu gosto de você. E eu gosto do jeito mais torto, mais desalinhado, mais confuso e mais maluco. E eu teimo em não gostar porque sei que sempre que eu gosto de alguém, essa pessoa vai embora. Então eu ouço seu nome e meus olhos brilham, e aí eu percebo que é tarde demais: já estou ferrada. Completamente ferrada."

    Me ensina a escrever? kkkk. Admiro muito você

    ResponderExcluir
  22. Ser impulsiva na maioria das vezes é comum a nossa faixa etária, o querer as coisas logo e EXATAMENTE do jeito que queremos é uma caracterísca comum a nós, principoalmente mulheres...

    ResponderExcluir