Suicídio da alma

Morrer não dói. A ideia de morrer, de perder tudo o que construiu é que dói, machuca, assusta. Mas a morte em si, não. A morte é algo natural da vida e morrer pode ser encarado como uma libertação, como um novo estágio da vida, um estágio ao qual tememos por não o conhecermos ou por não nos lembrarmos dele.
Mas a morte natural não é algo ruim. O ruim é quando se morre em vida, quando se é sepultado ainda respirando. E isso ocorre com muitas pessoas, pessoas que têm caminhado no meio de nós mas que não são mais uma de nós. Já se foram há tempos, mas ainda permanecem por aí.

A morte da alma é algo que me gela a espinha. É algo que muitos de nós experimentamos ao longo da vida. A arte de viver sem viver; conhecem essa? Ela se dá quando estamos tão vazios e esgotados que nem nos importamos mais com o que acontece. Simplesmente desistimos de lutar e deixamos a vida correr seu curso. E é aí que a alma morre, dia após dia, um pouquinho.
A morte da alma é pior do que a morte do corpo e há apenas um só jeito de fazê-la reviver: se agarrando a vida, criando forças onde não tem. Pedindo a Deus para que Ele nos dê asas para que possamos voar para longe e perceber que a vida que desperdiçamos por tédio é a vida que muitos lutam para ter, mas não têm mais a possibilidade de conquistar.

45596_147175278638692_130462796976607_271635_7751374_n_large

15 comentários

  1. Durante toda a vida, é necessário estar se preparando pra morte...
    O que pra muitos é dificil!

    ResponderExcluir
  2. Eu quero, sinceramente, que durante a minha vida minha alma nunca morra.
    Essa ideia assusta mesmo.

    ResponderExcluir
  3. As vezes me sinto assim. Mas como vc disse, temos que buscar força em Deus, concordo totalmente. Lindo texto.

    ResponderExcluir
  4. Lindo texto. A morte também é algo que me atormenta
    Bjos
    http://jayfereguetti.blogspot.com
    @jayfereguetti

    ResponderExcluir
  5. É, acho que não tenho medo de morrer fisicamente. É inevitável, afinal. Meu medo é deixar pra trás a família... Filhos... Ou pior, morrer antes de tê-los, morrer sem ter vivido, sabe?
    Mas quanto à morte da alma, temos sim escolha. Por isso alimento a minha de três em três horas e ainda a coloco pra fazer exercícios, haha. Tenho a certeza de que ela viverá mesmo quando meu corpo não mais puder fazê-lo.

    ResponderExcluir
  6. Eu sou espírita e concordro com a nossa teoria de vida após a morte, quando acreditamos que vamos apenas para um lugar mais feliz para depois reencarnarmos! Então, não tenho nem um pouco de medo da morte. A única morte que me apavora é aquela quando morremos mas continuamos vivos...

    ResponderExcluir
  7. Um dos MELHORES textos sobre a morte que já li. Amei de verdade!

    Minha frase preferida: ''Morrer não dói. A ideia de morrer, de perder tudo o que construiu é que dói, machuca, assusta...''

    Bjs ;*

    ResponderExcluir
  8. Ótimo Blog....


    Seguindo..


    http://www.skinnysfromhell.co.cc

    ResponderExcluir
  9. Fico aterrorizada só de pensar no vazio que é viver sem viver. Sem esperança, sem vontade, sem temores e sem coragem. É como se tudo ficasse em preto e branco e nós estivéssemos apenas encenando um personagem, ou vendo nossa vida de fora. Tudo perde o sentido e o valor.
    Ótimo texto Mia!
    http://www.dinhacavalcante.com/

    ResponderExcluir
  10. As vezes nos tiram algo na vida... E outras vezes nós mesmos precisamos tirar para poder viver novamente.

    ResponderExcluir
  11. Gostei, alias o blog todo é lindo, estou seguindo pra voltar com mais calma e ler mais.

    Espero por você no http://posdezesseis.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  12. Lindo demais mia. Tenho medo disso. Tenho medo de virar mais um desses zumbis que nós vemos nas ruas. Sem emoções, sem medos... O sonho do tão conhecido "sistema". E se quer saber, eu tenho vontade de balançar essas pessoas e gritar "acorda, você está vivo!" mas não dá.
    O que posso fazer é garantir que eu e os mais próximos a mim não cometam este mesmo erro. Que vivamos como possamos.
    Lindo texto e imagem. Nos faz pensar. Beeijos!

    recantodalara.blogspot.com

    ResponderExcluir
  13. Se frustrar nos sonhos e perder as esperanças leva á issu , mas sempre deve ter uma porta a se abrir e impedir a transformação de um morto em vida ...
    http://andyantunes.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  14. Oi Mia. Lendo seu texto lembrei da citação de Benjamin Franklin, que é:
    Se é que minha opinião importa, nunca é tarde demais, ou no meu caso, cedo demais, para ser quem você quer ser. Não há limite de tempo. Comece quando quiser. Mude ou continue sendo a mesma pessoa. Não há regras para isso. Pode tirar o máximo proveito ou o mínimo. Espero que tire o máximo. Espero que veja coisas surpreendentes. Espero que sinta coisas que nunca sentiu antes. Espero que conheça pessoas com um ponto de vista diferente. Espero que tenha uma vida da qual se orgulhe. E se não se orgulhar dela, espero que encontre forças para começar tudo de novo.

    http://foi-mau.blogspot.com/
    bj

    ResponderExcluir
  15. As pessoas se esquecem de viver e das coisas maravilhosas que podem encontrar na vida, infelizmente quando percebem o erro cometido, já é tarde demais.
    Beiijos*-*
    http://cartasp-voce.blogspot.com/

    ResponderExcluir