De psicopata a patricinha

Anteontem saí com meu irmão mais velho, cunhada e sobrinha (sobrinha essa que, aos treze anos, é mais alta do que eu; se bem que isso não é tão estranho assim já que quase todo mundo é mais alto do que eu) e fomos visitar meu outro irmão, ir na igreja deles, essas coisas randômicas que se faz com a família.

Aí minha sobrinha aparece com um pedaço de bolo mordido e oferece:
- Quer, Mia?
- Não, tá mordido, olha.
- Ah, é, eu esqueci que tu é fresca e paty e não come nada dos outros, precisa ter teu próprio prato e copo e, se alguém encostar em algo pessoal teu, já era, tu nunca mais usa. Por que tu é tão nojenta assim?
- Sei lá, guria. Nasci assim. Mas melhor prevenir do que remediar.
- Mas tu é muito paty, Mia! Muito fresca! Tu não enjoa de ti mesma, não?
- Hey, eu gosto de mim mesma. E não sou paty, só sou um pouco paranoica com certas coisas, tenho umas manias e tal...
- Não, tu é paty. Olha pra ti: sempre de rosa, com unhas compridas e pintadas de vermelho, batom rosa, sombra rosa, celular rosa, uma pose cheia de não-me-toques, fala baixinho, tem o apelido de Mia... pelamordedeus, tu é a paty das patys.
- Mas eu nem gosto de rosa.
- Imagina se gostasse. Toda delicadinha que tu é nem encosta em ninguém porque tem nojo das bactérias e germes... e tu sempre foi assim, desde pequena, né?
- Não é nojo, eu apenas prefiro manter distância de contatos físicos, sabe? Vivo no plano intelectual da vida, guria. Não sou paty, tenho TOC.
- Que seja. Não gosto de gente fresca assim.

E devo dizer, pessoas, que nunca me senti tão ofendida assim. Nem quando me chamaram de vadia manipuladora ou psicopata (na verdade, me senti lisonjeada nesses dois).
Será que sou tão fresca assim?
Oh yes, I am. 

35 comentários

  1. Oi Mia :P Bom, gostei do post HEHE Me identifiquei com ele...
    Eu também sofro com isso, as pessoas dizem que sou fresca, só porque não gosto de comer nada dos outros, usar nada dos outros e coisas do tipo, sei lá, esse é meu jeito. Sou meio paranoica com algumas coisas e confesso, sou meio nojenta também. Mas EU não me acho fresca, isso é uma coisa minha. E, até então, já conheci pessoas 'frescas' e ao meu ponto de vista, se eu sou fresca do meu jeito, aquelas eram 'deuses da frescura' IEIEIRHEHRIEHREH :)
    Enfim, é muito chato mesmo situações como essa, mas fazer o que né, são poucas pessoas que entendem o ponto de vista das outras...
    Beijos!
    www.descartada.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Meu Deus, ainda existe essa coisa de paty? Pensei que isso tinha ficado pra trás junto com a minha pré-adolescência, HAHAHAHA

    beijo

    ResponderExcluir
  3. Patricinha? Acompanho o blog há pouco tempo, mas você me parece muito mais alguém que poderia desprezar alguém até a morte com o olhar oO
    (chamar alguém de patricinha ainda tem cunho negativo? Nem sabia oO )

    ResponderExcluir
  4. Já te chamaram de vadia manipuladora? Hahahhaa! Eu tinha dado muita risada na cara da pessoa!
    Bom, você tem um jeito diferente, digamos 'particular' a certo grupo social intitulado 'patricinha'. Mas isso não quer dizer que você seja uma. Você pode ser somente (não me) TOC.
    =D
    Beijo!

    ResponderExcluir
  5. Bah, mas que garota petulante, chata e ignorante hein --' ahsuahsu' Odiei essa menina só pelo diálogo colocado aqui u.u Mas eu sempre ouvi isso de outras pessoas, se bem que quando eu era mais nova, era toda fresca à la Mia Colucci de RBD, por que sei lá, eu era toda bestinha e amava babados, brincos e roupas rosas ou claras. Mas daí mudei e mesmo assim as pessoas acham que sou fresca, que sou paty, odeio essa denominação, sério, acho tão fútil acharem que sou patricinha, por que rola até hoje todo aquele esterótipo de que patricinha ama rosa, amo compras, cuidar do cabelo e é uma pessoa completamente fútil e alienada da vida real, acho que por isso você ficou tão ofendida, eu também me incomodo com isso :X rs
    Pior é me chamarem de 'emo', como se essa modinha ainda existisse e eu tivesse tudo a ver --' haus'

    Beijos

    ResponderExcluir
  6. AHAHAHH, será isso algo em comum com as "blogayras"? :O as pessoas me chamam de patricinha desde... sempre! D: e quando descobrem que eu tenho um blog, pronto, parece que é o ápice, o cúmulo da "patricisse", por mais que o blog seja literário e etc. Raiai, essa gente. Apenas calada.

    P.S eu ri DEMAIS com esse comentário: Patricinha? Acompanho o blog há pouco tempo, mas você me parece muito mais alguém que poderia DESPREZAR ALGUÉM ATÉ A MORTE COM O OLHAR oO.

    ResponderExcluir
  7. Eu dei risada, pois ofensa ou não eu me identifiquei demais, tenho essas manias também ou como você preferiu chamar: toc.
    Nunca vi você como uma patricinha, aliás, nem sabia que as pessoas falavam isso ainda. Lembrei dos meus 12 anos :p heheehehh

    ResponderExcluir
  8. Patricinha? Sei não, viu...
    Isso não é frescura, é higiene! Eu também sou assim e como você disse: "É melhor prevenir do que remediar".
    Sempre fui chamada de patricinha mas não sou. Essa galera é que é cheia de rótulos.
    Pelo visto, ninguém consegue agradar à ninguém.
    Beijos Mia.

    ResponderExcluir
  9. Ai, posso ser honesta?
    Em primeiro lugar, tua sobrinha tá precisando tomar uns laços, isso sim.

    Em segundo lugar, ela é uma adolescente que entrou naquela fase do "foda-se o mundo, eu carrego a razão no meu cérebro CRIATIOCIOSO". Já tive 13 anos e sei bem como é achar que sendo violenta impõe mais respeito do que sendo normal, assertiva e agradável.

    A boa notícia é que passa - isso se as amiguinhas dela também evoluírem com o tempo. Senão cuida pra ela não aparecer com calça rasgada, meia desfiada, piercing na língua e um namorado de dois metros de altura e 49kg. Sério... o que eu já vi nessa vida...

    E outra coisa, "paty"??? Puta merda, né! EU usava esse termo aos 13 anos, e olha que estou com VINTE E SETE invernos. Mostra esse comentário pra tua sobrinha e diz que ela tá über OUT nas gírias.

    (é, eu sofria bullying aos 13 por coisas idiotas de meninas revoltadas com o mundo e desabafei um pouquinho aqui)

    ResponderExcluir
  10. Eu tenho um pouco dessa mania também, mas quem me vê pensa que sou revoltada... Droga! Mas eu gostaria de ser um pouco paty... Ou não... Enfim... Boiei, novamente.

    Vírgula Assassina

    ResponderExcluir
  11. ahahaha Morri de rir!

    Não consigo ver vc como Paty! XD

    ResponderExcluir
  12. LINDO!!!! Adoro seu texto!

    http://estilohedonico.blogspot.com.es/

    xoxo

    ResponderExcluir
  13. Ah, eu acho que todo mundo tem suas frescuras! E qual o problema, desde que não machuque ninguém? HAHAHA
    Mas eu ri do "Tu não enjoa de ti mesma, não?" HAHAHAHAHA

    ResponderExcluir
  14. Se você pode ser considerada patricinha sua prima pode ser considerada extremamente arrogante, curuzes, rs.
    Como a Gleanne falou, muito do que eu lí não é frescura, é higiene, depois que a gripe suína pegar sua prima ela não pode mais rir de você.
    Desculpa, achei desnecessário os comentários da sua prima.
    Nem Jesus agradou né, quem somos nós, tenho ctz que vc mais agrada com seu jeitinho do que incomoda.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  15. Mia, não sei se és fresca ou não, mas COMO ASSIM VOCÊ NÃO ENCOSTA NAS PESSOAS?
    Começo a te imaginar no centrão de POA, em véspera de Natal, desviando de todo mundo- sem muito sucesso.

    Beijos,
    santaironia.blogspot.com

    ResponderExcluir
  16. caaara, seu blog tá MUITO bonito! me sinto muito relapsa tendo demorado tanto pra fazer visita D:

    mas entonces, como voce comentou por lá que tinha interesse em continuar lendo o murphymeadora, vim te avisar que o endereço mudou e agora é http://tresdoiszoom.blogspot.com .

    abracinho!

    ResponderExcluir
  17. Ai ai, eu também era assim. Tipo, de não comer nada fora do lugar, não deixar que encostem em mim e nas minhas coisas - mas agora isso meio que passou. Tenho que estudar muito, por isso acabo deixando um pouco das minhas manias de lado. Claro que não totalmente.
    Afinal, uma aquariana sem manias não é legalmente aquariana.

    ResponderExcluir
  18. esses aborrecentes são foda hein? hahahahahaha te contar, confesso que ri dessa guria aí, ela sim que é fresca e nojenta e deveria ter vergonha dela mesmo #preadolescentefeelings

    Enfim... eu te acho super interessante e adoraria sentar pra tomar um café contigo um dia desses (:
    e nada de patricinha, não senhora!

    beijos

    ResponderExcluir
  19. Cara, odeio que encostem em mim e sou meio paranóica com essa coisa de 'pegar dos outros'. Nunca se sabe. Mas relaxa, sempre tem aqueles que vão te rotular e te chamar de mil coisas que cê tá nem perto de ser. Whatever.

    ResponderExcluir
  20. Você não parece ser paty, Mia. Se fosse eu teria pulado na sua sobrinha, hahá. Mas o que importa é que você sabe quem é...
    Beijos,
    http://menina-do-sol.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  21. haha E se for? :) Se é seu jeito, não importa como chamem, é seu jeito. E deixa cada um ser feliz como é, né não?

    ResponderExcluir
  22. Poxa, eu não te imagino nem um pouco como uma patricinha! Pelo contrário, você é uma das poucas pessoas que eu admiro nesse mundo. Acho um total ofensa ser chamada de patricinha, prefiro ser chamada de psicopata mesmo. Sou muito chamada de drogada, acho que é porque sou meio lunática e tenho filosofias de vida. Acho que certas "frescuras" são essenciais, por exemplo eu não gosto de encostar em ninguém, também não gosto que os alimentos se toquem no prato (é nojento) e outras coisas, mas não acho que tenha a ver com ser patricinha.

    Beijos ♥
    Garota de All Star

    ResponderExcluir
  23. Seu blog tá uma graçinha, um charme!
    Vou te seguir, ok?
    Se você tiver um tempinho, visita o meu novo blog?
    MARTINANASVIAGENS.BLOGSPOT.IE
    É sobre viagens, compras, reclamações, enfim....
    Preciso de comentários e mais gente seguindo. Retribuo!
    bjs

    ResponderExcluir
  24. Uma coisa que eu não imaginava a Mia Patricinha. Mesmo pela virtualidade eu não acredito nisso, você tem uma personalidade forte e isso não quer dizer ser patricinha. Sua sobrinha, acho que não conhece a Mia psicopata viu.

    http://iasmincruz.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  25. Não, você não é patricinha, sua prima que é retardada (desculpa, pronto, falei -.-' )

    Ter auto estima e cuidar de si mesma não tem absolutamente nada a ver com ser fresca e patricinha. Desencana disso, muita criança (?) de 13 anos precisa julgar e ofender aos outros pra se sentir alguma coisa...

    ResponderExcluir
  26. "sobrinha essa que, aos treze anos, é mais alta do que eu; se bem que isso não é tão estranho assim já que quase todo mundo é mais alto do que eu" KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK NA BOA, TO RINDO MT!
    Somos da mesma especie Mia, pois isso acontece comigo também! Tipo assim: TODO MUNDO é maior que eu D: Menos a minha irmã, que também puxou a mim :B hahaha
    Aliás, eu ri do post todo! É muito eu!
    Todo mundo acha que eu sou "patty" não só por gostar de rosa, mais pq eu sou muito frescurenta D: ATE O MEU PADRASTO TACA ISSO NA MINHA CARA, QUE EU SOU "PATRICINHA", e eu também fico puta de certa forma e_e
    Mais vou te dizer: tem muita guria beeeeeem mais patricinha que eu por ia gostando de preto/rock/funk/pagode/sertanejo... SERIO! Eu tenho amigos de todas as "tribos" então eu já convivi com todo tipo de gente e eu posso afirma que muitas daquelas garotas que você vê e pensa: nossa que garota legal, ela curti isso, curti aquilo não é frescurenta...
    E dai depois que conhece percebe que são totalmente pattys ¬¬
    Por isso eu nem ligo muito de me chamarem disso, porque depois que me conhecem de verdade sempre me dizem: nossa fulana é mais patty que tu, como pode isso? :O
    AHAHAHA
    FUCK YEAH 8)

    http://rascunhosdasuuka.com

    ResponderExcluir
  27. Não acho que seja fresca, apenas, como disse, tem suas manias. Tenho as minhas também e acabam me chamando de arrogante. Mas nem me importo, para saber quem sou sou, a pessoa deve me conhecer e não apenas olhar por fora.

    ResponderExcluir
  28. Todos nós temos nosso lado Psicopata e Patricinha. Isso é normal, ruim seria se não fossemos assim. Tudo é questão de equilíbrio! hahaha >< Adorei, como sempre.

    Beijão, Sabrina. (www.spiderwebs.com.br) ♥

    ResponderExcluir
  29. Acho que todo mundo tem manias, também não curto beber no mesmo copo dos outros, sempre limpo o canudo antes de por na boca e essas coisas, acho que é mais cuidado do que frescura. Sabe? Anyway, toda menina, até as mais rebeldes, tem um "Q" de patricinha, vai.

    ResponderExcluir
  30. Concordo com a Jeniffer, já não gostei dessa menina tosca, só por essa diálogo... E nossa, que coisa mais ridícula julgar tão impiedosamente alguém assim, tomando como base apenas características superficiais e referentes à casca de um indivíduo... parece que não vão aprender, ai ai humanos!

    ResponderExcluir
  31. Essas crianças de hoje em dia, realmente não tem o que comentar.
    mas muito *avançadinha p idade ou não, mas que a conversa deve ter sido estranha. Mas né, sempre vai ter alguém que não goste de nós e quem sabe a tal inveja ? haha *-*
    saudades do teu espaço flor ♥

    ResponderExcluir
  32. Olá,
    Que menina chata,viu?Eu tenho minhas manias tambéme ja estou acostumada em me chamarem de patricinha e metida,enfins......Por exemplo,uma das que mais me irrita é porque falam que eu ando que nem uma metida,toda cheia de postura,As pessoas querem o que,que eu saia andando corcunda?rs
    O blog é lindo,viu?Seguindo com certeza *--*
    Se gostar do meu,segue também:
    http://mundoencantadodabarbie.blogspot.com.br/

    Abraços!

    ResponderExcluir
  33. Oi! Fique chateada não... Todos temos manias e frescuras! Eu mesma, tem épocas que nem eu me aguento, haha!
    Bjs, Ruama.
    http://esquiloscorderosa-ruama.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  34. Tenho a idade da tua sobrinha, e me irritei com ela. Algumas pessoas dizem que pareço paty, mas eu não acho. Só dizem isso por eu ser loira, e usar algumas roupas rosas. Serio eu adoro rosa, mas não quer dizer que eu seja paty. Não sei nem quem inventou essa historia de que usar rosa é ser paty, e me complica ainda mais sendo loira. E com certeza isso é questão de higiene. Sobrinha chata essa.
    Eu acho que ainda não entrei na aborrecencia, sei la. Minha irmã e meu irmão entraram, ainda falta eu. Claro meu irmão já tem 17 anos, e minha irmã 14.
    Kisses

    ResponderExcluir
  35. Adorei o post,e me identifiquei um pouquinho.Tenho a idade da sua sobrinha(Treze anos),e sim,ela é uma patricinha sim.Nem posso negar,que tbém sou uma,e minhas amigas me chamam de "Patty Manipuladora",e sim eu sou assim mesmo,só que não tão frescurenta assim kkkkk.Já estou seguindo seu blog,e se puder passa nos meus dois?Ah,não se esqueça de tirar os espaços.Beijitos :3
    mundopinkdapam . blogspot . com
    misturinhasdacherry . blogspot . com

    ResponderExcluir