(in)fértil mente

Preciso de um psicólogo.

Vejam bem, eu não estou depressiva, mas cheguei à conclusão de que sou depressiva ou sofro algum tipo de transtorno psicológico. Pessoas, eu não estou triste. Nem feliz. Mas na maior parte do tempo eu fantasio coisas estranhas em minha mente, e na outra parte estou rindo porque o divino resolveu me testar ou Murphy está aplicando seu sadismo em minha vida.
Porque - e creio que vocês concordarão comigo - não é normal uma guria de dezenove anos ficam fantasiando sobre o que aconteceria se o ônibus sofresse um acidente durante seu percurso a caminho de seu curso ou como seria se ela entrasse em coma por anos, quem se importaria com ela quando ela acordasse, quem estaria a seu lado, as pessoas que teriam morrido, os amores que morreriam pelo cansaço - ou os que já haviam morrido em vida e somente ela não havia percebido - ou como seria se ela fosse encontrada enforcada criminalmente pelo povo da igreja que a jurou de morte.

Não é normal pensar isso durante uma viagem de ônibus, é?
Pois então.
Acho que sou depressiva.
Ou tenho assistido CSI demais.


20 comentários

  1. Mia, relxe, também penso isso e outras cositas mas. Você é tão normal quanto yo.

    ResponderExcluir
  2. haha Então somos duas, Mia. Tenho alguns pensamentos sem noção de vez em quando também. Faz parte, eu acho.

    ResponderExcluir
  3. Mia, procure um psicologo! haha
    Acho que todo mundo, vez ou outra, imagina coisas assim. As vezes eu fico pensando em como gostaria de morrer, queria que fosse algo especial, tosco né?! ahaha

    ResponderExcluir
  4. Mia, todo mundo vez ou outra imagina 'o que aconteceria se...' Sabe? Acho que é comum. Eu mesma me pego pensando umas loucas que só por Deus. Ainda bem que só a gente tem acesso às nossas mentes. Senão, o resto do mundo ia ficar bem longe, haha

    Beijos

    ResponderExcluir
  5. As vezes penso esse tipo de coisa também. Não tinha parado pra pensar que talvez possa ser alguma loucura ignorada até você comentar que isso não é lá muito normal... haha

    Psicólogos tão aí pra isso né? haha

    Beijão :*

    ResponderExcluir
  6. Cara, sabe que eu me vi nesse texto? Eu penso na pior das hipóteses em todas as situações, essa é a 1ª vez que vejo alguém mais negativo que eu. E o pior, é que todo mundo aqui na minha casa é feliz e do bem, daí eu acabei pensando alto sobre o asteroide que passou perto da Terra, eu falei "Seria muito melhor se o asteroide passasse mais perto, daria pra ver a olho nu. Imagina se ele acabasse colidindo com nossa cidade? Não sobraria mais nada!" Aí eu comecei a imaginar cenas catastróficas, e tal. E às vezes eu me pego pensando na morte. Eu fico imaginando se meu pai morresse, como eu iria ficar, o quanto eu ia chorar, o que eu ia dizer... e o pior é que eu quase acabo chorando com meus pensamentos, daí vem alguém e pergunta o que aconteceu, e eu respondo: "Nada, só tava imaginando a morte do meu pai", daí ficam tipo "O.O". Pois é, pois é.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  7. Amiga sabe que isso já aconteceu comigo. Eu frequento o psicólogo por outros motivos, mas realmente alguns pensamentos os psicólogos não irão tirar da gente sabe, são coisas interiores que fazem parte do nós. Tem certas coisas que por mais que eu vá no psicólogo eu não consigo entender.

    ResponderExcluir
  8. E o que é normal nesses tempos, hein? Eu me pego pensando essas cositas e más há tempos e já bem passei dos 19. Fato agravante: nem assisto tanto csi assim...
    Tá estranha a coisa... mas teu blog tá bonito pra caramba! :P
    beijim.

    ResponderExcluir
  9. Olha, então eu também preciso (não que eu já não soubesse), penso as mesmas coisas e coisas até piores...

    Mas é como minha mãe diz: De médico e louco todo mundo tem um pouco.

    ResponderExcluir
  10. Certo, eu ri. Mas sabe, não é tão anormal assim. Às vezes eu penso em coisas parecidas também... Deve ter alguma coisa a ver com ônibus mesmo, já que eu ando frequentemente hsuah
    Adorei, Mia!
    Beijo,
    http://menina-do-sol.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Relaxa, depois piora. Aos 22 vc vai pensar como seria ter um amigo extraterrestre, ou como seria poder atravessar paredes e móveis (o duro é quando vc além de pensar tenta fazer), e por aí vai...
    o_O'
    Vou usar uma frase que adoro:
    "Você não está louco. Eu vejo eles também. Você é tão normal quanto eu." (Luna Lovegood)

    ResponderExcluir
  12. As vezes eu fico imaginando essas coisas também, pensei que fosse a única, rsrs. Mas eu acho isso normal, pelo que eu vi nos comentários, rsrs.

    Beijokas :*
    Blog da Mylloka

    ResponderExcluir
  13. Esse gif define BEM o que é estar dentro da minha cabeça, haha, acho que te compreendo, Mia! Pq, confesso, fico imaginando algumas coisas bastante estranhos enquanto estou no ônibus, ou esperando em uma fila de supermercado, por exemplo. Mas não acho que sejamos loucas, só temos criatividade demais, hehe. Acho mais seguro pensar que seja só isso, criatividade. XD
    Beijo!

    ResponderExcluir
  14. O.o não somos as únicas . Eu sou até paranoica as vezes viu? E isso que voce imagina eu também imagino =s Somos loucaS? kk

    ResponderExcluir
  15. Achei que fosse só eu, mas pelo visto 99,9% das pessoas imaginam coisas assim. Ando nessas de "preciso de um psicólogo", porque além de passar muito tempo desligada pensando coisas mórbidas, começo a chorar de um modo desesperador e exaustivo por não conseguir fazer coisas normais, como amarrar o cabelo ou dormir durante um filme.
    Tudo é desesperador e exaustivo.
    Argh.

    ResponderExcluir
  16. Estou passando para perguntar se possui Instagram e Whats Up (celular).??
    Bjinhos

    ResponderExcluir
  17. Mia, tenha certeza que essa 'habilidade' não é só você quem tem. As vezes, também tenho esse tipo de pensamento e fico me sentindo como você se sente. Agora, cabe a nós, ir ao psicólogo e ver se somos 'normais' mesmo, haha. Gosto dos seus devaneios.

    ResponderExcluir
  18. Interessante o post ;D

    Mas fantasiar é algo comum pra todo mundo (por causa do Oscar Pistorius hoje eu passei o dia pensando em como seria se a minha namorada não tivesse uma das pernas). Por que só é problemático quando se fantasia coisas ruins? Ninguém diria que você tem um problema se sua fantasia fosse um ônibus feito de queijo no qual as pessoas podessem comer seus bancos...isso em si não seria motivo para ir ao psicólogo.

    Acho que o que eu estou tentando dizer é que não tem nada de errado em ter uma mente fértil, mesmo para o mal, contanto que você não faça coisas que gerem dano ou que te coloque em risco de morte, sabe?

    Almeida José

    www.conteiro.wordpress.com

    ResponderExcluir
  19. EU VIVO FAZENDO ISSO. Também acho que preciso de psicólogo. Como pego metrô, eu fico pensando se dois se chocassem, o que aconteceria comigo: se eu morreria, se eu quebraria uma perna, se me tirariam de lá com minha mochila (sou materialista), etc.
    Quando não penso se vão me assaltar e se eu devo dar uma cotovelada no nariz do ladrão (e correr o risco de morrer). Sempre penso no ruim, acho que mais por diversão mórbida do que por medo mesmo. Também acho que preciso de um psicólogo.

    ResponderExcluir
  20. Se isso é normal eu não sei... Mas que acontece comigo, acontece. As vezes, quando saio com meu namorado de moto, eu fico imaginando o que a gente faria se na curva mais perigosa do caminho aparecessem ladrões pedido pra passar a moto. Ou o que faríamos se sofrêssemos um acidente e do nada percebêssemos que não temos como ligar, pois o celular teria ficado em casa! Isso tudo é muito esquisito, mas já me acostumei. É como se fosse um tipo de medo camuflado... Não sei explicar, só sei que não sou a unica. Beijo Mia! Adoro seus Textos :)

    http://mundodaluadanath.blogspot.com/

    ResponderExcluir