As (des)vantagens de ser visível

Eu não quero um namorado.
Por muito tempo eu quis, e quis você como um namorado pra chamar de meu, mas qual é o objetivo disso? Passear nos fins de semana? Tenho amigos pra isso ou posso até mesmo passear sozinha - por que não? A vida é divertida, ser uma espectadora do mundo é hilário. Posso perfeitamente passar um fim de semana sozinha sem me aborrecer por isso.

Ou será que o objetivo seria ter alguém com quem se pegar loucamente? Meu bem, sem querer ser presunçosa aqui, mas eu tenho vários "alguéns" com quem me pegar loucamente - elevadores da vida que o digam - se assim quiser. Só que há um porém: eu gosto mais de falar sobre isso do que realmente fazer. É entediante. O corpo humano, na prática, não me interessa muito - e convenhamos que praticamente ninguém sabe o que fazer nem ao menos com as mãos num simples beijo, que o fará em outras situações, e eu não tenho vocação para lecionar.

Um namorado para não passar o dia dos namorados sozinha? Tive alguns namorados e sempre passei esse maldito dia sozinha. Não é algo que me incomode, de verdade. Quer dizer, eu não comemoro nem Natal, por que raios comemoraria o dia dos namorados? Pra dizer que alguém me quis?! Eu posso ser querida pelas pessoas em várias formas - depende do meu desejo, das minhas ações. Não preciso namorar para me sentir querida por pessoas legais.

Um namorado para me dar presentes legais? Cara, aí está um ponto que me irrita profundamente. Até nem tenho problemas em ganhar presentes de amigos, mas de namorado? É um baita problema aqui dentro. Por quê? Simples: um dia a relação vai acabar - amigo, tudo acaba nessa vida; o que não acaba em separação acaba em morte - e é um saco não saber o que fazer com aquele monte de presentes ganhos do ser nem tão mais amado assim.

Namorar para exibir a vítima pra os parentes quando perguntarem aquele irritante "e os namorados?"? Não, nem pra isso compensa. Perceba: família + namorado = desastre. Assim que eu tiver respondido com um "então, é esse ser masoquista aqui que resolveu encarar a loucura que é me namorar" o pessoal começará a perguntar "pra quando é o casamento?", "será que dará em algo?", "a relação tem futuro?", "segura o bebê e já vai treinando, guria". Não rola, simplesmente não.

Namorar para estar com alguém legal e que me goste? Mas eu tenho pessoas legais e que me gostam que estão comigo: amigos e família. Perceba: não preciso me agarrar loucamente nas pessoas para mostrar que gosto delas e amo profundamente meus amigos. Solidão não é meu problema, nem de longe.

Namorar para evitar assédios inconvenientes no fb da vida? Cara, essa seria uma vantagem: colocar o status de "relacionamento sério" no perfil, evitando muitos babacas azucrinando minha existência. Mas do que adiantaria fazer isso para me livrar de babacas se você também é um tipo de babaca - num outro nível, é verdade, mas ainda assim é um babaca - e provavelmente eu iria terminar contigo por isso? Nem isso compensa, amigo. Fora que eu gosto de ser paquerada. A paquera é a parte mais legal de qualquer relacionamento: ela determina quem fica e quem vai - e por "quem fica" quero dizer "quem vira amigo" - porque a maior parte dos meus amigos são paqueras que deram muito certo, afinal, conquistaram um lugar especial na minha vida maluca.

Se eu sou contra namoros e me tornei uma pessoa seca e fria? De forma alguma. Sou uma guria que - ainda - acredita em amor e em ser profundamente amada por um tempo e um ser quase romântico. Namorar alguém legal é tri divertido e por um certo tempo eu quis muito lhe namorar. Mas sabe como é, quando um cara me diz que não é um bom namorado, eu acredito. E quando eu consigo fazer uma lista de motivos para ficar sozinha e não acho um só motivo para estar acompanhada nesse momento, é sinal de que você simplesmente não vale a pena nesse quesito, amore.
E agora que eu desisti de vez de romances por esse ano, aparecerá um cara tri legal e cujas circunstâncias sejam favoráveis só para me quebrar o bico, quer ver? Ironia rege minha vida. 

12 comentários

  1. Talvez seja bobo eu pensar isso mas sabe, eu sempre acho que as vantagens desse tipo de situação e pensamentos é a possibilidade de fazer ótimos textos. Seu post meio que comprova isso. Anyway, apesar dessa lista, estou torcendo para a ironia que rege sua vida fazer aparecer um cara legal e que te dê motivos para querer estar junto. Não conheço, mas acho que esse daí não merece uma guria legal como você rs.

    Beijos, Vickawaii
    http://finding-neverland.zip.net

    ResponderExcluir
  2. Sempre tem a opção da gata castrada pra quem cansou de decepções amorosas e cuja perspectiva de vida afetiva é longe da raça humana.

    EU já pensei nisso.
    E por enquanto é a opção que eu tenho.

    ResponderExcluir
  3. Cara, eu amo seu jeito de escrever. E bom, esse texto me fez repensar e realmente, dane-se os namorados! Estamos todas vivendo bem sem eles. Nascemos sozinhas e sobrevivemos, certo?
    xo,
    its-becky.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Penso exatamente assim (tanto é que nunca namorei). Penso que meus amigos podem suprir a maioria das coisas que um namorado me proporcionaria. E assim continuo e assim gosto de viver. Aproveitando meus amigos e minha família, àqueles que me amam de verdades e que eu amo imensamente.

    ResponderExcluir
  5. Ironia rege minha vida IHASUDHASDIASUHDSAIHDSIAD e o pior é que é verdade. Queimei a língua quando falei que não queria um namorado. Igual aquelas gurias que ficam 'sou fria, feelings off' e blablabla e se apaixonam. Não sou contra namoros, mas namorar só pra mostrar pra família ou pra não estar sozinha? pf, prefiro passar o sábado em casa mesmo.
    Beijos ♥

    Conspirantes

    ResponderExcluir
  6. No blockquote você disse exatamente o que eu ia comentar: vai aparecer alguém! HAHAHA É - ABSURDAMENTE - sempre assim :x

    beijo, Mia.

    ResponderExcluir
  7. Alguém me entende!! Acho que mostrarei esse texto para certas pessoas que não param de perguntar quando eu arrumarei um namorado. Estou bem solteira, me divertindo, porque tenho de ter um namorado para ser "normal"? É, porque ter 20 anos e ser solteira para as pessoas próximas a mim é estranho. Amei o texto, rs.

    Ah tem meme pra ti no blog, não sei se já respondeu esse mas está indicada. Beijos

    http://nerdicesdeumagarota.blogspot.com.br/2013/03/campanha-de-incentivo-leitura.html

    ResponderExcluir
  8. Eu preciso dizer que AMEI? Até salvei nos favoritos, shuah
    Cara, se aparecer um carinha legal pra ti justo agora que está convencida da divina beleza de estar sem namorado, será realmente muita ironia da vida. Fazer o que se ela é assim? hsuah
    Beijos♥
    http://menina-do-sol.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Mia tocando o terror contra o namoro. muhahah. Acredito em tudo que você disse e concordo, eu namoro e ás vezes é um saco, ainda mais as DRs. Mas fazer o que se ainda quero aquele mala perto de mim, enfim, sortuda você por pensar assim.

    Beijos,SPIDERWEBS

    ResponderExcluir
  10. Mia, você parece muito uma pessoa que conheço. Por isso gosto de ler você. Te admiro porque você é uma pessoa que não liga muito para o que falam e perguntam, apenas se foca no que pensa, nas crenças que leva dentro de si. E o melhor, não se abate pelas convenções impostas pela sociedade. Você quer ser feliz, mas não precisa escrever roteiros ou dar respostas prontas para os curiosos de plantão. Tua vida é tua vida.

    Você é uma pessoa em paralelo ao mundo, mas te percebo centrada no teu mundo. Isto é legal. Você tem personalidade e sabe bem ou não sobre as coisas. E não te importa.

    Relacionamentos realmente não precisamo nascer para suprir uma necessidade externa, ou para você enquadrar e mostrar ao mundo. O amor não pede troféus, não solicita enfeites, nem mesmo aceita ser o bode expiatório da felicidade.

    O que noto é que em meio à tanta mistura em sua alma, é que no fundo você guarda sentimentos definidos e sonhos bem pincelados. Mas são seus, apenas seus.

    Amar, se relacionar não vive em ti de maneira aberta, mas se concentra bonito sim no teu íntimo. Você apenas trata isso de maneira realista sem que isso seja algo influenciável ou importante para o mundo. Percebo que em meio ao teu jeito tão leve e descontraído uma mocinha que não deixa de sonhar por um lindo final feliz. Ou por sentimentos reais.

    Se a vida te estapeia hoje, amanha ela vai te abraçar com mãos macias.
    Acredite. Ou não, como você queira.

    Enfim, o que eu acho e percebo pouco importa mesmo... ;)

    Seja você.

    Te cuida.

    Beijo!

    ResponderExcluir
  11. Sério, esse post é muito eu também. Não dou a mínima para namoros. Conheço algumas garotas que só se sentem "completas" quando estão com alguém. Eu sempre me senti completa, sem a necessidade de ter um cara do meu lado para eu esbanjar para as outras pessoas. De qualquer forma, o dia que eu deixar de acreditar em romance e aparecer um cara tri legal vai ser o fim do mundo. Ou milagre.

    ResponderExcluir
  12. Simplesmente AMEI o post! Acho que fiquei muito tempo nessa fase. Agora eu ate quero um namorado, mas tb me pergunto se terei saco e tempo pra isso. Homem enche o saco. Se for grude entao... ai.

    ResponderExcluir