Eutanásia da paixão

Lado A 

Tô bem meu amor, tô legal, tô respirando, tô viva. Ainda tenho aquelas unhas enormes que tanto arranharam sua pele mais bem cuidada que a minha, o esmalte não está mais descascado, mas é que agora tenho tempo para pôr toda minha vitamina em minhas unhas e esquecer que você não se importa mais com elas. Fiz batida hoje, de banana, aquela frutinha linda que você detesta; e não me preocupei com o hálito que ficaria em minha boca ou com sua vontade de me mandar escovar mais uma vez os dentes ao te beijar apenas porque você é mais enjoado do que eu. Não olhei suas fotos. Estou me recuperando.

Lado B 

Beijei meu primeiro garoto pós-você hoje. Tinha gosto de desespero. Tinha gosto de lábios enormes e alma escassa. Tinha gosto de terra. Não era um gosto de nuvem, não era gosto de cor. Não era aquela pasta de dente ácida que se apegava tanto aos meus lábios anêmicos. Era simples, era aquilo e era só. Mas eu estava feliz porque - de uma forma errada-certa - eu estava ali fazendo algo e não olhando suas fotos ou esperando você entrar no facebook para perguntar se estava tudo certo. Era a eutanásia da paixão. Era quase um milagre pasmo.
palavras soltas escritas há um mês e alguns dias; o sentimento vai, as palavras permanecem 

11 comentários

  1. Sabe que eu enjoei tanto das fotos dele que agora nem ligo mais?
    O tempo passa e a gente esquece.
    E isso é ótimo.

    ResponderExcluir
  2. Preciso fazer essa tal eutanásia aí. Mas tá difícil, viu?
    BEIJOS Mi.

    ResponderExcluir
  3. Queria roubar sua eutanásia pra mim >.<
    Gostei do seu texto, um dos melhores que já li aqui no blog (e olhe que curto todos, hein?)
    Bem, voltei a postar (depois de alguns meses com o blog nas teias de aranha), espero que continue acompanhando :)
    Abraços

    www.garotadeallstar.com.br

    ResponderExcluir
  4. É difícil, mas às vezes é preciso morrer. Ou matar.

    ResponderExcluir
  5. Criativo o texto, Mía. Gostei de como você o organizou. Ah, adorei o novo layout do blog e sua foto ali no cantinho, com um olhar maléfico, irônico e lindo.

    ResponderExcluir
  6. Ugh, estamos juntas nisso...
    deveria ter uma pílula para curar paixão... ô sentimentozinho besta! :(

    ResponderExcluir
  7. O sentimento vai, as palavras permanecem... entendo perfeitamente.

    :(

    Beijo!!

    ResponderExcluir
  8. Adorei, cada pedacinho! Tem coisas pequenas que as vezes a gente nem reparava o trabalho que dava, ou o quanto incomodava, ou o quanto a gente gostava. Mas vai passando. Força aí e força aqui.

    ResponderExcluir
  9. Ai Deus uash Que bom que o sentimento passou E as palavras ficaram- para nós.
    Como amo teus posts♥

    http://menina-do-sol.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Mia. Escreve um livro, vai. Por favor!

    ResponderExcluir