Alma de Fogo


Quem me conhece sabe o quanto sou apaixonada por poemas, ainda mais os da época do "mal do século", aquele ultrarromantismo pessimista, quase fúnebre, misturando amor com morte, toda aquela antítese sempre me fascinou. Em uma manhã nublada (boas coisas quase sempre começam em manhãs nubladas) estava eu à procura de um livro que me tirasse o fôlego e que me tirasse também daquele marasmo literário de histórias clichês. Foi quando eu vi (e é nessa parte que todos fazem um "aaaaaaaaaahhhhh" de espanto e curiosidade): "Alma de fogo - um episódio imaginário da vida de Álvares de Azevedo".

O coração fez um "tum-tum" acelerado, os olhos brilharam, as mãos correram ao encontro daquele livro que falava sobre um dos meus autores preferidos. Mais do que depressa o entreguei à bibliotecária e disse: é esse. Levei pra casa e iniciei a leitura. E que leitura! Há romance, depravação, suspense, mistério, mortes, um clima todo gótico, meio Sherlock, meio poético, meio suspeito demais.
No século XIX, vários homicídios abalam a pequena vila de São Paulo: jovens mulheres estão sendo mortas por um misterioso serial killer. A turma de estudantes da Faculdade de Direito do Largo São Francisco acaba se envolvendo na história quando Álvares de Azevedo descobre que seu colega, Aureliano Lessa, foi acusado de ter cometido os crimes e é preso. Entre leituras, poesia, amores e boemia, o jovem escritor começa uma perigosa investigação contra o tempo em busca da verdade. Nessa ficção ágil, o leitor encontrará inúmeras informações sobre a biografia de grandes nomes da literatura brasileira como o protagonista Álvares de Azevedo, além de Bernardo Guimarães, Joaquim Manuel de Macedo e outros.
Não quero revelar mais nada: quero que descubram por si próprios. Só digo o seguinte: vale (muito) a pena ler.

Só mais uma coisa: o livro é todo ilustrado e cada capítulo começa com páginas azuis. *-* Apaixonei pela leitura. ♥
Em um quote:
Um dia lera os versos de um estudante apaixonado. Não serviam nem para limpar um par de botas. Versos babosos, rimas repetidas... uma coisa nojenta! É necessário método para poetar. Paixão, sim, mas com medida. 

10 comentários

  1. Eu ADORO o Álvares de Azevedo e nem sei como nunca fiquei sabendo da existência desse livro. Adoro os poemas dele, além de considerá-lo um gato pelas fotos que eu já vi. Me casaria com o Álvares numa boa.
    Sem contar que esse livro tem tudo que eu gosto: suspense, morte, mistério <3 É tudo tipo à la Sherlock mesmo (outro com quem eu me casaria fácil, fácil).
    Acho que depois da leitura desse livro nenhum outro me parecerá tão bom.

    Valeu pela dica, Mia :)
    Abraço.

    ResponderExcluir
  2. Oii Mia, como esta?
    Ótima dica, estou super curiosa =s
    Ha curti sua fan page, criei a minha esses dias.
    facebook.com/blogchadecalmila

    B

    ResponderExcluir
  3. Gosto desse tom mórbido e ultrarromântico também. Acho que o livro me encantaria. Ainda mais por ser um suspense, como você relatou. Boa pedida, Mía! haha

    ResponderExcluir
  4. Fiquei curiosa pra lê - lo, pela descrição parece ser bem legal *-*

    ResponderExcluir
  5. Yey! Uma dica de livro nessa internet que não é só sobre romances, meninas ricas e felizes saltitando em flores coloridas!

    ResponderExcluir
  6. Nossa, parece muito legal mesmo!
    Beijo.

    ResponderExcluir
  7. Fiquei super curiosa,a descrição é excelente,me daria vontade de ler,muito provavelmente. Eu tou quase a acabar a leitura de herança de fogo da nora roberts e tou a pensar também em comprar,isto,se eu encontrar,os outros dois livros da saga dela. Acho maravilhoso a herança de fogo. Beijinhos,eu te desejo uma semana super perfeita!! http://pontodecruzdamafalda.blogspot.pt

    ResponderExcluir
  8. Essa capa do livro é demais hein...
    Também gosto muito de poesia, esse é um livro que com certeza me agradaria.
    Vou adicionar no skoob.
    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Oxe, que lindeza!
    Álvares de Azevedo (adoro a lavadeira kkkkk) ilustrado ♥

    ResponderExcluir
  10. Desculpe pelo palavrão que vou soltar agora, tudo bem?
    PUTA QUE PARIU COMO EU NÃO CONHECIA UM LIVRO DESSES ANTES, PRECISO DELE NA MINHA VIDA COMO LIDAR CORRENDO PARA COMPRAR AGORA, CHORANDO RIOS DE SANGUE.
    Sou apaixonada pelo Álvares de Azevedo. Não. Sou obsessiva, do tipo que compra biografias deles, lê análises literárias e lê TCCs de pessoas que se formam em Letras e falam dele. Não acredito que não conhecia esse livro antes! Muito muito muito obrigada mesmo por indicá-lo ♥ Um livro (que eu não li ainda, diga-se de passagem) que também tem ele como personagem e é de vampiros é o Clube dos Imortais. Também tem uma versão do Noite na Taverna em quadrinhos. Senti-me no dever de indicar alguns livros depois desse achado.

    ResponderExcluir