Senhora, eu não quero saber de suas intimidades

Estava eu numa das cabines do banheiro do curso quando ouço a conversa de duas meninas que estavam na cabine ao lado: 

— Ai, não acredito que esqueci meu O.B. em casa! 
— Esqueceu? 
— Sim! Bah! Não acredito! 
— Peraí... tu USA O.B.? 
— Sim, todos os dias. 
— Não consigo usar isso! Credo! Machuca! 

Até aí, tudo bem. Conversa normal de banheiro, entre amigas. O bizarro veio a seguir: 

— Ah, eu uso todos os dias. Não vivo sem. 
— Mas não te machuca? 
— Não! ~risos abafados~ Imagina! É ótimo, gostoso. 
— GOSTOSO?! 
— Sim. Inclusive, troco apenas uma vez por dia porque gosto de quando ele incha dentro de mim, sabe? Hmmm... é incrível. Ele incha com a umidade. Tem dias em que coloco dois juntos, pra ficar maior. Adoro. 
— Credo. 
— Quê? Só não coloco um maior porque não existe. ~mais risos abafados~


Me contive muito para não dizer que existe, sim, miga. Existem maiores do que um simples O.B. Mas aí acho que a senhora não conseguiria andar sem deixar o troço cair. E também, né, isso não é da minha conta. 

Esperei as duas saírem do banheiro para, só então, sair também. Eu realmente não quero associar a conversa a pessoa. NÃO QUERO SABER DAS INTIMIDADES DOS OUTROS, CARAMBA. 

~suspiros~ 

18 comentários

  1. HAHAHAHAJA MEU DEUS
    Senhora, n eh pra isso q serve.um ob, senhora.

    ResponderExcluir
  2. Que. Coisa. Bizarra.
    No seu lugar talvez eu ficasse tão desconcertada com a informação que entraria no vaso e daria descarga só pra sumir dali rápido.

    ResponderExcluir
  3. HAHAHA SOCORROOO
    eu no seu lugar não me aguentaria e iria começar a rir demais HAHA

    ResponderExcluir
  4. Mas gente! As pessoas têm cada coisa.... kkkk
    Dermilivre!!
    beijos

    ResponderExcluir
  5. Mas gente, na parte do "tem dias em que coloco dois juntos pra ficar maior" meus olhos se arregalaram pra caramba. Como tem gente bizarra no mundo - e como esse bando de gente bizarra sempre cruza teu caminho, HUAHUAHUAHUA.

    ResponderExcluir
  6. genteeee, too much information!!!! acho que essa moça não tá sabendo bem qual a função do absorvente interno, hein........

    ResponderExcluir
  7. Whaaaaaaaaaaaaaaaaaaat? (cara da Cece)
    My lord como assim gostoso? aiiiiiiiiiii que delicia cara? kkkkkkkkkkk
    Gente quando a gente pensa que já viu e ouviu de tudo!

    conheci seu blog agora já ri pacas nesse post (falo de mais se eu comentar coisas gigantes não se assuste)

    bjs

    ResponderExcluir
  8. HAHAHAH, não acredito no que acabei de ler!

    ResponderExcluir
  9. HAHAHAHAAAHAHAHAHAHAHA, MOTHE OF GOD, AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAHAHAHAHAHA
    mas eu sairia do cubículo só pra ver a cara da pervertidinha e dar umas boas risadas internas com aquele sorrisinho de quem diz "seu segredo está seguro comigo".
    Obviamente ela ou nunca ouviu falar ou não tem dinheiro pra comprar um consolo. E quem não tem cão, néam, aquela coisa.

    ResponderExcluir
  10. Nossa, que coisa. Você realmente atrai situações estranhas, né? Acho que se eu estivesse lá, provavelmente ficaria dividida entre a vontade de alertar sobre a síndrome do choque tóxico e a vergonha alheia; e com certeza também ficaria quietinha na minha cabine até ter certeza de que elas saíram.

    ResponderExcluir
  11. My God, Mia. As pessoas que você encontra, as situações que você presencia são realmente bizarras! Usar O.B. todos os dias e só trocar uma vez por dia? Que falta de higiene. Essa pessoa deve desconhecer infecção, porque né. Mas admito que já me peguei numa situação constrangedora assim. Eu tenho um bocado de amigas pervertidas que não se incomodam muito em fazer comentários íntimos em lugares públicos, tipo no meio do ônibus. Eu dou as respostas mais monossilábicas possível pra me desvencilhar de ser ouvinte do assunto enquanto me controlo pra não ficar vermelha como um pimentão. Too much information!

    ResponderExcluir
  12. HAHAHAHAHAHAH SOCORROOO!
    Mas é cada coisa que a gente escuta por aí. A bizarrice humana precisa ser estudada, definitivamente! hahahah

    ResponderExcluir
  13. Sério? Como assim? A pessoa falar isso, achando que todo mundo é obrigado a ouvir tantas asneiras. Jesus amado, é tanta coisas que somos obrigada a ouvir >.<
    Beijos,
    www.dosedeilusao.com

    ResponderExcluir
  14. MEU DEUS WTF
    Gente alguém tem que dar um toque nessa menina e dizer que não pode usar OB todos os dias e nem ficar sem trocar porque pode dar umas complicações... Mas o que a gente é obrigada a ouvir não? Deveria existir um jeito de fazer o cérebro esquecer umas coisas que ouvimos ou vemos. hahaha
    Beijos!
    http://letheblanc.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. MAS GENTE
    Se alguém tiver infeção você irá deduzir que é o ser sem vergonha em um lugar que não é a cara :~
    Meu, to com muito nojo, as imagens mentais aqui estão horríveis

    Novembro Inconstante

    ResponderExcluir
  16. Socorro desse mundo, dessa gente, desses papos de banheiro. D:
    E gente, achei nojento. Moça desconhecida, você procure um psiquiatra que o seu problema só com remedinho mesmo, eu heim o_o E eu se fosse você acho que tinha saído, batido a porta, olhado e mandado um "Bom dia" com sorrisinho maroto, que já que tive que ouvir uma besteira deste tamanho, tem que rolar no mínimo uma vingancinha.
    Moça, se eu quisesse ouvir sobre a vida alheia, eu assitia o BBB. Beijão.

    (mas eu ri, pelo menos. Que dó de você, menina!)

    ResponderExcluir
  17. A moça tá precisando conhecer um negócio super comum chamado: vibrador/dildo. HAHAHAHAHA. Achei bizarro, e, como a Yu falou, ela desconhece a ideia de infecção. Inclusive esses dias li uma reportagem de uma moça gringa que perdeu a perna por causa de uma infecção causada pelo absorvente interno. Ou seja: medo. Mas eu sou suspeita pra falar porque também não
    consigo usar essas coisas.

    Mia, Aquela Que Atrai Situação Bizarra.

    Beijo!

    ResponderExcluir
  18. Mia, conheci teu blog no grupo Rotaroots e adorei. Amei o tom ácido dele, morrendo de rir com suas postagens.
    Beijo!

    ResponderExcluir