A grande piada

"Ganhe um balde de pipoca", é o que estava escrito na vitrine do cinema na frente do qual eu estava, na rua Augusta. Augusta, que me lembra angústia, que estou sentindo agora por não poder estar assistindo ao filme premiado e comendo uma pipoca com manteiga. Porém, dizem que o que angustia também salva. Espero que estejam certos. 

"Aqui é trabalho!", meu chefe gritou ao me ver abestalhado, olhando para a vitrine do cinema, apenas desejando mergulhar naquele balde e nadar naquela manteiga borbulhante. Meu trabalho era divulgar o show de stand-up que haveria naquela noite na Pinacoteca. Voltei, então, a pensar em uma piada pesada e suja para contar ao público, mas a única piada que me vinha à mente era "o queijo deu um fora na goiabada", provando, claramente, que eu de fato precisava comer. 

A verdade é que a grande piada era eu. 

Texto escrito hoje, em conjunto com a dona Sofia Lungui, durante a aula de Língua Portuguesa I por conta do seguinte desafio dado pelo professor: escrever um texto coerente contendo as seguintes frases:
1. O que angustia também salva.
2. Aqui é trabalho!
3. O queijo deu um fora na goiabada.
4. Uma piada pesada e suja.
5. Ganhe um balde de pipoca. 

1 comentários:

  1. O queijo deu um fora na goiabada porque ela contou uma piada pesada e suja. Ela ficou triste mas logo aprendeu que o que angustia também salva. "Aqui é trabalho!", pensou. A fila anda. Fez um perfil no Okcupid e na sua descrição escreveu: "Me leve no cinema e ganha um balde de pipoca". Conheceu dois biscoitos e foram morar juntos.


    HAHAHAHA MELDELS FICOU HORRÍVEL

    ResponderExcluir

 
Wink .187 tons de frio.