6 pais da ficção que merecem um joinha

Muitas vezes os pais da ficção são melhores do que os nossos. Nem todos os pais merecem um feliz dia dos pais, nem todos os pais são pais. Mas a ficção tá cheia de pais bacanas, comprometidos e legais, que se esforçam pra serem os melhores pra seus filhos. Como hoje é dia dos pais e eu já enchi este blog de textos pra o meu pai - que é a melhor pessoa deste universo -, bora fazer listinha de pais da ficção tão incríveis quanto o meu! 

1. Arthur Weasley - Harry Potter 


Não tinha como ser diferente: esta lista tem de começar por ele. O Sr. Weasley é um paizão: trocentos filhos, todos com poderes mágicos e ele cuidando da tropa toda sem deixar as coisas desandarem - e meio que "adotando" mais um, Harry, no meio da história. Ele é divertido, tenta pegar leve com as crianças - especialmente com os gêmeos - e está sempre apoiando os filhos. Certamente ele não merecia aquele troço do Percy. 

2. Mr. Bennet - Orgulho e Preconceito 


Pai da nossa querida Elizabeth Bennet, não poderia ter sido um pai melhor na época: apoiou a filha quando ela não quis casar, sempre dava ótimos conselhos e mantinha um bom humor, coisa que não era bem aceita pra um pai do período regencial. 

3. Frank Randall - Outlander 


Ele assumiu uma filha que não era dele a criou como se fosse, nunca contando a ela a verdade de que ela havia sido concebida 200 anos antes. E ele a criou bem. Brianna fala dele com muito carinho e acabou seguindo a mesma profissão do pai: historiadora. Obviamente que todos queríamos que Jamie tivesse cuidado dela desde sempre, afinal tecnicamente a filha é dele, mas pai é aquele que cria e Frank fez um ótimo trabalho. 

4. Atticus Finch - O sol é para todos 


Atticus é aquele pai que ensina as coisas corretas pra os filhos, mesmo que essas coisas vão contra os valores da sociedade da época e que ele mesmo acabe sofrendo discriminação por conta disso. Atticus é um paizão por ensinar aos filhos, no interior de um EUA extremamente preconceituoso, que eles não devem ser racistas, que todos os homens são iguais e que se deve lutar por aquilo que é certo. 

5. Julius - Todo mundo odeia o Chris 


Criar vários filhos sendo um pai pobre e negro num meio ainda muito racista não é fácil, mas o Julius fez o seu melhor. Okay que ele era mão de vaca, mas como não ser nas condições dele? Tinha dois empregos, às vezes até três, só pra sustentar seus filhos e sempre que possível tentava ensinar coisas bacanas pra eles. Mesmo super ocupado, se fazia presente. Julius é paizão sim! 

6. Danny Tanner - Full House 


Danny ficou viúvo com três meninas pequenas e aí fez o quê? Pediu ajuda pra cuidar delas e formou uma grande família de três pais: um biológico, um tio e um amigo de infância. Mesmo trabalhando como repórter e tendo uma agenda apertada - e põe apertada nisso, o jornalismo ainda nos matará -, ele sempre estava ali, pronto pra dar um daqueles discursos intermináveis, mas que sempre acabavam em abraços e muito amor. 

8 comentários

  1. Ergui as mãos pro céu e disse "amém" quando vi o Julius citado, só digo isso.

    ResponderExcluir
  2. Ahhh, adorei esse post. Julius realmente PAIZÃO e o que falar sobre Atticus Finch? Um personagem que eu adorei em O sol é para todos.

    <3

    ResponderExcluir
  3. Aaaaah que ideia linda para esse post, amei! E amei todos os pais, Julius <3 kkkkkk Bjs!

    ResponderExcluir
  4. Só paizões, hein. Ah, o Julius! <3

    ResponderExcluir
  5. Julius e Weasley ♡ dá até vontade de ter um pai huahuahua

    Com amor,
    Bruna Morgan

    ResponderExcluir
  6. todos são mesmo maravilhosos, eu acrescentaria o Michael Kyle de eu a patroa e as crianças na lista haha

    Blog Entre Ver e Viver

    ResponderExcluir
  7. AFFFF só paizão!

    Sr. Weasley: amo e não merecia mesmo aquele desgosto do Percy
    Mr. Bennet: além de fazer ótimos comentários, ele só quer que as filhas sejam felizes, f***-se o que a sociedade diz. Melhor pai.
    Frank Randall: não assisto, não posso opinar muito, mas já acho um excelente pai.
    Julius: sabe que não assistia muito Todo Mundo Odeia o Chris? Acho que é por isso que não lembro do Julius.
    Danny Tanner: AAAAAAAH AMO O DANNY! Sempre fico chorandinho quando ele faz aqueles discursos antes de abraçar as filhas. Que paizão <3

    ResponderExcluir