menu
02 fevereiro 2018

O gigante enterrado: um conto de fadas arturiano

O gigante enterrado 
Kazuo Ishiguro
400 páginas
Companhia das Letras
Ano de publicação: 2017 

Sobre o que é: Axl e Beatrice são um casal de idosos que vive na Inglaterra do século VI. Um dia eles decidem ir visitar seu filho, que mora na comunidade vizinha, mas essa viagem acaba se tornando uma jornada contra o esquecimento: o que acontece é que não apenas eles, mas toda a população daquela área, parece ter caído sob um feitiço que faz com que não lembrem nem de coisas do passado distante, nem de coisas que acabaram de acontecer. É aí que entram Sir Gawain, o último cavaleiro sobrevivente da época do rei Arthur, e Wistan, um guerreiro saxão que tem uma missão a cumprir naquelas terras. 

Por que ele é bom? Se eu tivesse de descrever esse livro em uma só frase, ela seria: o que aconteceu depois da lenda dos cavaleiros da távola redonda

Se você é novo no universo literário ou no mundo e não sabe quem diabos são os cavaleiros da távola redonda, presta atenção: há muitos anos existiu um rei bretão (era assim que os ingleses se chamavam antes) chamado Arthur. Ele livrou a terra dos saxões (inimigos dos bretões na época; viviam onde seria o norte da Alemanha hoje) e durante seu reinado o povo viveu em paz. Claro que há quem diga que isso é lenda, mas há também quem diga que a história é real e tem muito pesquisador trabalhando pra conseguir evidências disso até hoje (inclusive já acharam muitas coisas, mas é difícil determinar exatamente até onde vai a história e onde começa a lenda). O fato é que, tendo existido ou não, a história do Rei Arthur e dos Cavaleiros da Távola Redonda foi crescendo através dos séculos e ganhando contornos de magia, superstição e romance. 

(Particularmente eu prefiro acreditar que a história é real, mas cada um com suas crenças.)


Dei todo esse contexto histórico porque é depois de tudo isso que se passa esse livro. Não sei se o Kazuo Ishiguro decidiu escrever sobre isso porque lia as lendas do rei Arthur e se perguntava o que teria acontecido depois, mas sei que eu me perguntei muitas vezes qual teria sido o destino de todas aquelas personagens após o final das histórias. Não tem como ler qualquer livro que fale sobre isso sem se envolver com as personagens e se questionar se elas realmente existiram ou o que teria acontecido com elas. E é a essa pergunta que o livro responde. 

As personagens principais são Axl e Beatrice, um casal bem velhinho e amorzinho que vai visitar o filho - do qual eles não lembram - na comunidade vizinha. Parece um plot bobo e triste, mas na verdade o que o Ishiguro fez foi genial demais porque o que poderia ser um casal com problemas de memória é parte do que restou do reino de Arthur e peças importantes pra desfazer o feitiço que caiu sobre Albion (nome antigo da Grã-Bretanha) e que fez com que todo mundo vivesse no esquecimento, esquecendo de filhos, família, da sua juventude e até do que fez ontem. Todos vivem como se a única coisa que já tivesse existido fosse o agora e essa é uma ideia perturbadora, especialmente porque de vez em quando algumas pessoas têm uns arroubos de que algo está errado e tentam lembrar das coisas, mas inutilmente. 

O que acontece é que habita na região uma dragoa chamada Querig, e o hálito dela é o que forma a névoa que cobre tudo e faz com que as pessoas caiam no esquecimento. Axl e Beatrice descobrem isso ao passar por uma comunidade saxã e, no caminho, toparem com o último dos cavaleiros de Arthur: Sir Gawain, que já é tão idoso quanto eles, mas ainda usa sua velha armadura e seu manto vermelho dos tempos da távola. O casal descobre que é responsabilidade dele matar a dragoa e que essa foi a última missão que Arthur lhe outorgou, mas por algum motivo Querig ainda vive e Gawain fica lá, apenas curtindo a velhice nos pastos verdejantes de Albion.

~aesthetics desse livrinho, toda baseada na série Merlin pois sensacional demais~

Não posso falar muito além disso para não dar spoilers, mas é um livro de uma delicadeza incrível, com uma narrativa de conto de fadas e que faz parte da minha história preferida de todas. Axl e Beatrice são personagens muito amorzinhos, não tem como não gostar deles. Wistan, o menino Edwin e Sir Gawain também são todos muito corteses e queridos. Quando percebi o que aconteceria no final, fiquei assim:


E quando finalmente terminei o livro, eu estava assim:


O final é tristíssimo, mas o livro vale a pena demais, não apenas pela história (que é ótima!) como também pela narrativa do Ishiguro que é tranquilíssima, delicada e linda.

Por que ele é ruim? Ele é um amorzinho, não tem nada de ruim não. A única coisa ruim é que eu sou completamente obcecada pelo tema arturiano e já comecei a rewatch de Merlin porque não tem como ler esse livro sem querer ver essa série, hehe.

Você vai gostar se... é tão obcecada por lendas arturianas quanto eu, adora um conto de fadas ou quer ler um livro lindo que vai te fazer viajar como se você estivesse realmente na Albion do início da Idade Média. (Só não vai gostar quem gosta de ação ação ação o tempo todo, porque a narrativa é de conto de fadas então nem adianta ler achando que é um As Crônicas de Gelo e Fogo da vida porque o que tem mesmo são lendas arturianas e muitos feelings.)

Em um quote:

“Mas a senhora tem mesmo certeza de que deseja ficar livre dessa névoa, boa senhora? Será que não é melhor que algumas coisas permaneçam encobertas?”


~Livro cedido em parceria com a editora~ 

26 comentários:

  1. Não sou muito fã deste genero de livro, gosto de fantasia mas esse não seria o tipo ideal. Mesmo assim amei o jeito que descreveu o livro e a resenha, deve ser uma história fascinante e da um ar de criosidade sobre se eles voltarão a lembrar do passado. ótimo post ^^

    ResponderExcluir
  2. Nossa, eu estava esses dias lendo um mangá que tem a temática do Rei Arthur, e me bateu uma vontade de reler algo sobre ele. Eu também amo muito a história do Rei Arthur, mas quando li sobre esse livro eu nem me toquei que também ia para esse temática. Sua resenha está maravilhosa, fiquei até imaginando como é a história e com certeza já está adicionado na minha lista de desejos!

    Beijos

    Blog Conta-se um Livro

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Não nego que conheço bem menos do que gostaria da lenda do rei Arthur, maaaas depois desse livro, eu quero não só conhecer mais, como também conhecer esse livro, mesmo sabendo que ele pode destruir o meu psicológico e emocional. <3

    Adorei a dica!
    Abraços

    ResponderExcluir
  4. Mia tenho muita vontade de ler esse livro menina, gostei muito de saber a sua opinião e ainda mais que sem passam com um contexto histórico, normalmente são os meus livros favoritos quando abordam esses assuntos, sua resenha ficou ótima e adoro finais tristes.
    Bjs

    ResponderExcluir
  5. Olá!

    Apesar do Nobel, não é um autor que me chama a atenção. Mas quem sabe em outro momento eu não leia algo dele, só não garanto que será esse título, pois não curti muito a premissa.

    ResponderExcluir
  6. Hey, Mia! (nome da minha gata nº 5... rsrs)

    Que resenha bacana!
    Eu ainda não li nada do Ishiguro, mas quero muito ler em breve, e como tenho livro ótimas resenhas a respeito desse, pretendo começar por ele.
    Espero gostar muito!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  7. Deve ser uma leitura maravilhosa para quem ama as lendas do Rei Arthur. Já li muitos elogios a respeito do autor também.
    Beijos
    Mari
    Pequenos Retalhos

    ResponderExcluir
  8. Gente, que capa linda, que história interessante! Eu não conhecia e a sua resenha já me deixou muito curiosa, espero ler também e matar a minha curiosidade.

    ResponderExcluir
  9. Acho a capa desse livro maravilhosa e sua resenha é tão empolgante que fiquei morrendo de vontade de ler aqui

    ResponderExcluir
  10. Olá, tudo bem?
    Eu li esse livro logo que lançou e foi uma baita leitura, eu super adorei a escrita do Kazuo e esse livro é fascinante, e uma pena que eu não li mais livros dele. Gostei da sua resenha, está de parabéns!
    Abraço!

    ResponderExcluir
  11. Li muito pouco sobre Rei Arthur, mas sou apaixonada por tudo que pode tratar o que vem depois, por mais que isso seja apenas uma estória, sem dúvida é uma boa viagem, ainda mais o livro contendo essa narrativa de conto de fadas. Dica anotada.

    Beijos.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Oiee Mia! Eu não curto lendas arturianas então essa não é uma boa indicação pra mim hoje, mas gostei muito do seu estilo de resenha com o bom e o ruim do livro. Que bom que você curtiu tanto <3

    ResponderExcluir
  13. Olá, tudo bem? Este contexto histórico é muito interessante quando abordado em livros. Já li uma série com o tema e foi muito legal. Adorei a resenha e fiquei curiosa pra ler a obra!

    Beijos,
    https://duaslivreiras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Adorei a resenha,parece ser uma história muito interessante.
    Vou anotar sua dica, pois amo o gênero.
    Beijos! <3

    ResponderExcluir
  15. Olá!
    Só por conter uma premissa tão interessante e trazer elementos históricos já fico com vontade de realizar a leitura.
    Não conhecia esse livro mas vai para a lista de desejados.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  16. Olá, tudo bem?
    Nunca li nada sobre lendas arturianas, nunca me interessei de fato, por isso vou deixar a dica passar dessa vez.
    Sua resenha está ótima, fico feliz que ele tenha te conquistado.
    Bjs

    https://blog-myselfhere.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Oi.
    Nunca li nada sobre o Rei Arthur, mas confesso que essa fonte de bateu depois da sua resenha.
    Eu gosto muito dessa temática.
    Beijos

    ResponderExcluir
  18. Jesus cristo, Miga! Obrigada muito por mais uma recomendação que eu provavelmente nunca leria se não fosse uma resenha bem escrita. Vou te falar que vivo embaixo da pedra e não sabia que uma coisa ligava a outra, na realidade, eu nunca vi aquele filme da Disney que ACHO que tem a ver com isso? Nunca nem vi Merlin, mas tá na minha lista de séries (e subiu mais algumas posições) então definitivamente colocando esse livro na minha lista porque eu to bem precisando de histórias bonitas, que me fazem chorar mas ao mesmo tempo são emocionantes.
    Beijo

    www.paleseptember.com

    ResponderExcluir
  19. Adorei o que descreveu do livro e a história. Tenho certeza que amaria a leitura especialmente porque gosto muito da história do Rei Arthur. Parabéns.

    ResponderExcluir
  20. Oi Mia,
    Amei a sua resenha! Me enquadro em todas as opções de "Você vai gostar se...", mas já ouvi tanta gente falando que esse livro é lento ou chato que desisti. Não sabia que a história é sobre as lendas arturianas. Falando nisso, tb acredito que as histórias são verdadeiras.
    Beijos,
    André | Garotos Perdidos

    ResponderExcluir
  21. Oie
    sinceramente, fantasia não é bem o meu forte mas ainda assim gostei do enredo e das suas palavras que conseguiram me deixar bem atraída pela leitura e ja tinha visto muita gente elogiar antes, então eu vou arriscar em qualquer momento,

    beijos
    http://www.prismaliterario.com.br/

    ResponderExcluir
  22. O livro parece interessante, mas não é o que procuro no momento, passo a dica, mas a capa é linda, até gosto dos contos e tals, mas para uma leitura arquetípica.

    ResponderExcluir
  23. Também prefiro acreditar que a história é real hahahah
    Achei a premissa muito interessante, gostei da capa do livro e principalmente do enredo e de saber sobre o final ser triste, amooooo finais assim kkkkkkkkkkkkkkkk Adorei a resenha e estou curiosa.

    ResponderExcluir
  24. Quando li esse livro a primeira vez eu não o entendi completamente mas fiquei apaixonada mesmo assim, ainda pretendo reler ele um dia <3

    ResponderExcluir
  25. Já fiquei extremamente apaixonada por este livro. Anotei a dica e quero ler logo! Parece ser muito lindo e apaixonante!
    Beijos

    ResponderExcluir
  26. Oiii!!

    Eu não conhecia esse livro sabia? Me encantei com esse universo todo criado e fiquei muito feliz em saber que amou tanto a obra. Pena que o final é triste. Mas espero ler em breve!

    Beijinhos,

    ResponderExcluir

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial